Sexta, 20 de Maio de 2022
29°

Pancada de chuva

Cajazeiras - PB

Saúde CAJAZEIRAS

Doutora Paula lamenta a interdição do HUJB mas aponta ações para atender crianças em Cajazeiras

A deputada informou, também, que o prefeito José Aldemir, de Cajazeiras, foi a Brasília para tratar do problema em questão.

10/05/2022 às 15h52
Por: Redação de Plantão
Compartilhe:
Doutora Paula lamenta a interdição do HUJB mas aponta ações para atender crianças em Cajazeiras

A deputada Doutora Paula (Progressistas) defendeu medidas que garantam a continuidade do atendimento pediátrico na cidade de Cajazeiras, após o Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM-PB) ter interditado o Setor de Urgência e Emergência Pediátrica do Hospital Universitário Júlio Bandeira (HUJB).

A deputada lamentou o fato, mas adiantou que, diante do ocorrido,  todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade irão passar a atender crianças.

A defesa das medidas que garantem à saúde das crianças em Cajazeiras foi feita pela parlamentar, nesta terça-feira (10), na Assembleia Legislativa da Paraíba.

“Hoje fico triste e lamento profundamente o que aconteceu na cidade de Cajazeiras, em relação ao hospital HUJB . Um hospital que é referencia na pediatria, mas que houve um óbito, de uma criança, e o CRM decidiu interditar o setor de pediatria”, lamentou.

Doutora Paula informou que há dificuldade de contratar médicos pediatra, em Cajazeiras, mas adiantou que a prefeitura municipal conseguiu contratar dois pediatras.

A deputada informou, também, que o prefeito José Aldemir, de Cajazeiras, foi a Brasília para tratar do problema em questão.

“Diante dessa situação, conversei com o prefeito José Aldemir e com a secretária de Saúde para que todas as UBS de Cajazeiras possam receber crianças e atendê-las. Médico tem que ser generalista, não apenas especialista, para receber crianças e encaminhá-las a hospitais de referências. As UBS de Cajazeiras, e todos os médicos, terão obrigação de receber todas as crianças. Pois se trata de vidas, vidas de crianças que não podem ser ceifadas por falta de atendimento médico porque não tem médicos pediatras”, declarou Doutora Paula.

A deputa defende a união de todos para equacionar a situação. Nós estamos em uma força tarefa,  onde tem que estar estado, município e universidade para que, juntos, possamos resolver essa situação tão crítica da questão de pediatria. Porque se trata de vidas, vidas de crianças que não podem ser ceifadas pelo serviço médico por  falta de pediatra”, arrematou

CRM

A deputada exaltou a atuação do CRM no Estado, no que pese a interdição do HUJB. Disse que o CRM é um órgão competente, fiscalizador, responsável pela saúde da Paraíba. “O presidente do CRB, Doutor João Modesto, tem contribuído para que a medicina seja uma medicina de responsabilidade”, destacou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários