Terça, 28 de Setembro de 2021
29°

Poucas nuvens

Cajazeiras - PB

Paraíba AGRESSÃO

Acusado de agredir jovens em Bom Jesus continua preso em Cajazeiras; defesa pedirá liberdade provisória

De acordo com assessoria de imprensa da 20º Delegacia Regional, o jovem ficará à disposição da justiça e será encaminhado ao Presídio Padrão de Cajazeiras.

24/08/2021 às 08h36
Por: Redação
Compartilhe:
Foto: divulgação
Foto: divulgação

A delegada Cristina Roberto decidiu pela permanência da prisão do jovem José Epitácio da Silva Neto, 25 anos, acusado de agredir com garrafas de vidro duas jovens no último domingo (22) na cidade de Bom Jesus, Sertão da Paraíba.

Em parte do depoimento que o Resenha Politika teve acesso na Delegacia de Cajazeiras na tarde desta segunda-feira (23), o jovem negou que tivesse intensão de machucar as jovens e que tudo aconteceu após um desentendimento no local.

A lesão corporal culposa apresenta um tipo simples, descrito no § 6° do art. 129, e um tipo qualificado, descrito no § 7°. Para o autor do tipo fundamental, o CP impõe pena de detenção de 2 meses a um ano, conclui a delegada.

De acordo com assessoria de imprensa da 20º Delegacia Regional, o jovem ficará à disposição da justiça e será encaminhado ao Presídio Padrão de Cajazeiras.

Nesta terça-feira (24), o advogado de defesa, Adjamilton Pereira, deverá entrar com um pedido de liberdade provisória durante audiência de custódia que deverá ser realizada no Fórum de Cajazeiras.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários