Casa de apoio de Cajazeiras já atendeu mais de 1.500 pessoas que fazem tratamento de saúde na capital

Desde sua inauguração, a casa já atendeu mais de 1.500 pessoas, concretizando um sonho antigo do prefeito José Aldemir.

 Quem precisou utilizar os serviços da Casa de Apoio, não esquece da forma como foi acolhido.

Quem precisou utilizar os serviços da Casa de Apoio, não esquece da forma como foi acolhido.

Inaugurada em fevereiro de 2019, a Casa de Apoio da Prefeitura Municipal de Cajazeiras em Jo√£o Pessoa tem se transformado num espa√ßo de acolhimento e cuidado para quem precisa de assist√™ncia médica na capital paraibana. Desde sua inaugura√ß√£o, a casa j√° atendeu mais de 1.500 pessoas, concretizando um sonho antigo do prefeito José Aldemir.

Ainda quando era deputado, José Aldemir custeava o acolhimento de cajazeirenses e cajazeirados que se deslocavam a Jo√£o Pessoa para atendimento de saúde, chegando, inclusive, a adquirir um veículo para facilitar o transporte das pessoas.
A Casa de Apoio criada pela Prefeitura de Cajazeiras em 2019 tem um carro à disposi√ß√£o, nutricionista, assistente social, assistente de saúde, cozinheira, vigilante e auxiliar de servi√ßos. Na parte administrativa s√£o quatro pessoas, sob a administra√ß√£o da ex-vereadora Lucieide Val√™ncio.

Tem, ainda, um quarto para crian√ßas e refei√ß√Ķes de domingo a domingo. Tudo isso na rua Francisca Moura, 324, centro de Jo√£o Pessoa (próximo ao IPM). Quem precisou utilizar os servi√ßos da Casa de Apoio, n√£o esquece da forma como foi acolhido.



Seu Raimundo, de Divinópolis, é um desses: "Faz dois meses que estou na casa, fazendo tratamento de um c√Ęncer, na companhia de minha esposa. Aqui virou minha casa, minha vida. Eu n√£o tinha como fazer meu tratamento sem essa casa. Aqui tenho dormida, café, almo√ßo, jantar, assisto tv, um carro me leva até o hospital. Agrade√ßo a Zé Aldemir por me ajudar neste momento t√£o difícil", comenta seu Raimundo. A casa tem capacidade para acolher 46 pessoas.